A vida privada dos responsáveis políticos não deve ser alvo de escrutínio, mesmo quando estamos a falar daquele lixo não-reciclável que o Parlamento vai acumulando em algumas esquinas do edifício, aquele que nem com soda cáustica sai.

 

Publicado em Politica

Subscreva Newsletter

Escreva o seu email:

Entregue por FeedBurner