loading...

NUNO MAGALHÃES, mais uma descoberta colossal!!

(2 votos)
NUNO MAGALHÃES, mais uma descoberta colossal!!
Foto: Aventar

A vida privada dos responsáveis políticos não deve ser alvo de escrutínio, mesmo quando estamos a falar daquele lixo não-reciclável que o Parlamento vai acumulando em algumas esquinas do edifício, aquele que nem com soda cáustica sai.

Afinal de contas, se não os queremos lá temos sempre a hipótese de levantar o cu do sofá e deixar de votar na abstenção.

Contudo, emergem por vezes situações muito específicas onde aspectos da vida privada de alguns destes indivíduos nos permitem perceber algumas tomadas de posição enquanto dirigentes políticos. Ou, como é o caso, nos deixam ainda mais confusos. Nuno Magalhães, líder parlamentar do CDS-PP e titular indiscutível no F.C. Nãoexistealternativaàausteridade, encontra-se a ser julgado por se negar a assumir a paternidade de uma criança de 4 anos, paternidade essa que,segundo o Correio da Manhã, foi já comprovada através de 2 testes de ADN.

Este é o mesmo Nuno Magalhães que deu voz à “orientação firme de voto contra” o projecto-lei sobre a co-adopção levada ao Parlamento pelo Partido Socialista há um ano atrás. Na arena política, Nuno Magalhães defende que uma criança deve ter um pai e uma mãe. Já na sua vida privada, o centrista parece não ter problemas de ver o seu próprio filho privado do pai. Ou seja, todas as crianças devem ter direito a um pai e uma mãe, excepto o desgraçado do filho de Nuno Magalhães. E se a mãe encontrasse outra mãe para ocupar o espaço vago deixado pelo deputado? Será que virtuoso cristão se oporia com a mesma firmeza com que se opôs ao projecto socialista?

Palavra da salvação. Glória a vós Senhor!

Fonte: Aventar (2015)

 

loading...

Subscreva Newsletter

Escreva o seu email:

Entregue por FeedBurner